Hoje é Dia do Webdesigner e... WHAT?!

Sim, hoje, 24 de fevereiro é Dia do Webdesigner, uma profissão que hoje está muito bem consolidada e, para quem está iniciando na área, conta com uma vasta literatura e bons cursos que focam mais em aspectos de design e experiência do usuário do que em ferramentas. Muita coisa mudou ao longo dos últimos 15 anos, os profissionais são muito mais conscientes e comprometidos com a estética aliada a uma boa experiência de uso, entre outras questões, e os "sobrinhos" têm cada vez menos espaço no mercado. Porém, ironicamente hoje, recebo a seguinte correspondência em minha casa:


Reparem dos trechos destacados. Idade a partir de 9 anos e o programa do curso para Web Designer cobre praticamente só ferramentas, algumas, inclusive, já obsoletas, como é o caso do FrontPage. Não abrange CSS, conceitos de tipografia, cores, gestalt, usabilidade. Não culpo quem faz um curso destes, pois geralmente as pessoas não têm informações precisas sobre a nossa profissão e elas realmente acreditam que estão sendo capacitadas de acordo com as exigências do mercado de trabalho. Não vamos entrar no mérito do quanto uma criança/adolescente irá cobrar para fazer um site depois de ter feito o curso. Na minha adolescência, eu fiz estes cursos "profissionalizantes", mas depois eu comecei a estudar por conta (livros, blogs, revistas especializadas) e fazer cursos que realmente agregassem o conhecimento necessário. Por experiência própria, sei o quando este tipo de curso é descartável.
No interior há poucos opções de cursos que contém um conteúdo programático adequado às necessidades do profissional e do mercado de trabalho. Mas felizmente, pelos menos em Bauru, as empresas e faculdades da região têm percebido esta lacuna e frequentemente temos workshops, palestras e cursos de capacitação, mas ainda não chegam a todas as pessoas.
Portanto, para quem está começando, tome cuidado com este tipo de curso. Procure se informar sobre o grade do curso, peça referências a outros profissionais.

5 comentários:

Very! disse...

Quando eu tinha uns 18 anos (agora 25), eu estava procurando curso de webdesigner também, e a maioria só tinha ferramentas básicas, a unica escola que me ofereceu os módulos que eu queria, como java, css e php era a Microcamp, o dobro do preço das outras, mas tinha o que eu queria. Então não faça um curso pelo preço, e sim pelo que ela te oferece, o barato pode sair caro pois vc pode fazer um curso pela metade. :)

Talita Pagani disse...

Obrigada por seu comentário! Concordo com você, deve-se analisar bem cursos muito baratos ou com carga horária muito baixa, geralmente são incompletos e não oferecem um conteúdo adequado.

newnoslut disse...

Hehe, num primeiro momento eu achei que vc tivesse desenterrado esse anúncio de alguma gaveta. Mas realmente...what?

Pedro Lalli disse...

Já que não exite cursos tão interessantes assim para inciantes, e vc disse q existe bons livros relacionados ao assunto. Vc poderia nos indicar alguns livros né? Mto Obrgd. =)

Talita Pagani disse...

Olá Pedro,

Na seção de Resenhas (http://wdxp.blogspot.com/search/label/resenha) você pode encontrar dicas de livros sobre web design que são recomendados inclusive para iniciantes ;)

Postar um comentário

Postagens no blog

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More